Empreendedora Síria lança projeto para ligar migrantes, refugiados e locais

“Aqui sinto-me em casa.”, afirma Khuloud

Versão para impressão

A Khuloud, Síria de 29 anos chegou a Portugal há 3 anos e meio graças à bolsa de estudo que recebeu da Global Platform for Syrian Students e fez o Mestrado em Energias Sustentáveis, no ISEP, no Porto. Hoje vive em Braga, trabalha na EDP e está a levar o SPEAK para a cidade que agora chama casa.

O SPEAK é um projeto que se tem destacado em Portugal como solução de integração de pessoas migrantes e refugiadas, pela forma como quebra estigmas, pela promoção da igualdade e pela criação de redes de suporte informal entre os participantes.

Este projeto português de inovação social, já com presença em Itália, Alemanha e Espanha, lançou o programa “Leva o SPEAK para a tua cidade!”. Este modelo de replicação segue alguns princípios do franchising social, uma forma estruturada de transferência e replicação do conhecimento e da experiência de casos bem sucedidos em organizações, aplicando os princípios do franchising comercial para promover o bem comum e geral impacto social.

A Khuloud conheceu o SPEAK numa conferência onde o Hugo Menino Aguiar, ex Googler e fundador do SPEAK, apresentou o projeto e ficou bastante entusiasmada com a sua missão.

Nas palavras de Khuloud “Deixei a cidade de Damasco onde nasci e vive grande parte da minha vida devido ao cenário de guerra e destruição. Quando cheguei ao Porto encontrei diversos desafios, tais como a língua, perceber a cultura, sentir-me parte da cidade e fazer novas amizades. Hoje vivo em Braga, onde tenho uma rede de amigos espetacular. Gosto de viver em Portugal. Sinto-me bem na minha comunidade. Tenho amigos, falo bem a língua. Aqui sinto-me em casa.”

A missão do SPEAK apaixonou-me desde o início pois vivi todos estes desafios que o projeto resolve. Agora tenho a oportunidade de aplicar as minhas competências e ajudar outras pessoas. Acredito que é possível todos nos sentirmos em casa na cidade onde vivemos e é isto que me move e faz querer assumir a responsabilidade do SPEAK em Braga.”

Esta é a motivação de Khuloud de se juntar ao SPEAK. Para levar a cabo o projeto, o Desert Sailors vão de Portugal à Mongolia para fazer uma campanha de crowdfunding em que o valor angariado irá ajudar a Khuloud e outra pessoa refugiada a iniciar o SPEAK numa nova cidade.

A Google já se  juntou ao desafio e irá doar 1 euro por cada euro angariado.

Saiba como pode participar no link https://www.speak.social/desertsailors/.

Comentários

comentários

Artigos relacionados