Nesta edição dedicada a estratégias de financiamento e investimento para start-ups, a i9 magazine quis saber como investem os detentores de capital em Portugal e o que os leva a apostarem numa ideia, num empreendedor ou numa start-up em detrimento de outras…

Este conteúdo apenas se encontra disponível para assinantes da revista. Se você é assinante, por favor inicie a sessão de utilizador para poder visualizar todos os artigos na sua totalidade.

Se ainda não é assinante, conheça as vantagens e ASSINE JÁ!

Iniciar sessão de utilizadores existentes
 Lembrar-me  

Comentários

comentários

Premio Startup Montenegro 2017

Artigos relacionados

A tecnologia e a digitalização alteraram, não só o modo como vivemos, como trabalhamos, como comunicamos, mas também como nos relacionamos uns com os outros. Face a esta assunção, a pergunta que se coloca no imediato é: qual o impacto desta nova era digital nas relações sociais, sejam elas amorosas, familiares ou de amizade?

De acordo com o Digital Scoreboard da Comissão Europeia - que avalia o Índice de Digitalidade da Economia e da Sociedade (IDES) de 2016, Portugal tem de melhorar as competências digitais dos seus cidadãos (cerca de metade da população não tem competências digitais básicas). E como tal problema poderá ser mitigado para que o nosso capital humano possa participar ativamente na economia e na sociedade digital?