Investigadores apresentam propostas para reconstruir Portugal depois dos incêndios florestais

“Incêndios, territórios e fragilidade económica e social: Pensar o país inteiro”

Versão para impressão

Um grupo de especialistas, das áreas do território, da floresta, da agricultura familiar, do desenvolvimento dos espaços rurais, da administração pública e da responsabilidade social e política, vai entregar ao Primeiro-Ministro, António Costa, e ao Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, um conjunto de propostas para reconstruir Portugal depois dos incêndios florestais.

As propostas, que resultam de uma mesa-redonda pública intitulada “Incêndios, territórios e fragilidade económica e social: Pensar o país inteiro”, realizada no passado dia 3 de novembro, em Coimbra, vão ser apresentadas em Conferência de Imprensa, para a qual convidamos o vosso prestigiado Órgão de Comunicação Social, a realizar hoje, dia 23 de novembro, pelas 15 horas, na Sala Keynes da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC).

De acordo com os especialistas, “o que motivou esta reflexão foi a convicção de que os incêndios que têm flagelado o país (em particular os deste ano de 2017) exigem uma tomada de consciência clara da ligação entre a tragédia e a crescente fragilização e deslaçamento de grande parte do espaço nacional, dos seus modos de vida e das economias que aí existem”.

Comentários

comentários

Artigos relacionados