Portos nacionais movimentam mais de 88 milhões de toneladas

Entre janeiro e novembro de 2017, os portos comerciais do continente atingiram o valor mais elevado de sempre

Versão para impressão

Nos onze primeiros meses de 2017 foram movimentadas 88,8 milhões de toneladas de carga das várias tipologias. Este valor, que confirma a trajetória de crescimento homólogo a que temos vindo a assistir desde 2010, excede em +3,9% o registado em igual período de 2016 e constitui o volume mais elevado de sempre. Leixões e Aveiro são o reflexo desta marca, registando neste período valores que excedem, respetivamente, em +3,8% e +11,6% os máximos anteriores (verificados em 2015, em ambos os casos).

Para além destas marcas, importa ainda referir o significativo contributo para o desempenho homólogo global que os portos de Leixões e de Aveiro prestaram, com taxas de crescimento de +7,7% e de +18,3% com quotas de 20,2% e 5,4%, respetivamente, a que corresponde um acréscimo conjunto superior a 2 milhões de toneladas. No entanto, o porto que mais contribuiu para o desempenho global do sistema portuário foi Lisboa, que comparativamente ao período janeiro-novembro de 2016 registou um acréscimo superior a 2,1 milhões de toneladas, correspondente a +23,5%.

Comentários

comentários

Artigos relacionados