icomment

Burlas em vendas online. Uso abusivo de dados de cartões de crédito. Phishing bancário. Criação de perfis falsos em redes sociais. Acessos ilegítimos a sistemas informáticos. Também os recentes ataques informáticos que ocorreram um pouco por todo o mundo confirmam que o cibercrime veio para ficar e será cada vez mais sofisticado, colocando este tema na agenda de governos, empresas e instituições.

Assistimos, hoje, ao que se considera uma verdadeira quarta revolução industrial. Após a revolução da energia a vapor, da energia elétrica, da produção automatizada, chegou agora a revolução da computação e da Internet das Coisas, a chamada indústria 4.0. Esta nova Era apresenta-se como uma oportunidade para as empresas portuguesas se modernizarem e entrarem numa economia cada vez mais global e competitiva.