2016: Principais tendências tecnológicas

Na Era da Internet, falávamos sobre o facto de termos sido amazonados. Na Era Digital, falamos sobre sermos uberizados.

Versão para impressão
E o que significa? Em termos simplistas, significa que deixou de haver intermediários.

Segundo Mark Barrenechea, Presidente e Chief Executive Officer (CEO) da OpenText, líder na gestão de infomação empresarial, existe um conjunto de tendências tecnológicas a chegar em 2016.

Começamos por fazer referência à Internet of Things (IoT), as empresas vão adotar a IoT para aumentar o impacto económico, a produtividade e ter acesso a ferramentas para uma análise interna mais eficiente.

As Redes Sociais são outra das tendências tecnológicas. Os “Social Media” têm mais seguidores do que muitos países têm população. O Facebook, por exemplo, tem mil milhões de subscritores, o Instagram tem 400 milhões de utilizadores ativos e o Twitter tem mais de 300 milhões de subscritores. Em 2016, o engagement nas redes sociais não é opcional mas sim um requisito.

Hoje em dia, quando um cliente não está satisfeito coloca posts, comentários ou faz reviews nas redes sociais. Quando surge um post ou um tweet, os consumidores comentam e partilham, de imediato.

Outra das tendências é os Millennials, a assumirem papéis de gestão. A inovação será o fator diferenciador competitivo e a sua aplicação será baseada nas novas formas de colaborar, que incluem crowdsourcing e cocriação com os clientes. Os gestores Millennials vão apostar nos melhores talentos e contratar os melhores colaboradores de todo o mundo, de forma a criar equipas dispersas e altamente qualificadas.

O crescimento das empresas com base na Internet e Software-as-a-Service (SaaS), é uma das tendências tecnológicas. Agilidade, rapidez e flexibilidade são características diferenciadoras – e as start-ups têm feito um ótimo trabalho a vencer neste mercado.

Por ultimo, temos o “Digital”, que deverá ser a grande prioridade dos CEO. A disrupção digital terá um impacto importante em todos os mercados e 80% dos CEO considera que as tecnologias disruptivas, mobile, cloud e analítica, terão um impacto no valor do seu negócio.

Comentários

comentários

Artigos relacionados

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close