Estás a pensar em criar o teu negócio?
Deves refletir e conhecer todos os passos a dar na conceção da tua start-up!

Versão para impressão
Na i9 magazine #1 deixámos as primeiras 7 dicas… Ficam mais 3:

8ª PLANEAR O MARKETING E A COMUNICAÇÃO!

O lançamento da tua ideia é dos momentos mais importantes para a definição do seu sucesso. O impacto que consigas criar, com o maior envolvimento possível do teu público-alvo, pode facilitar a penetração no mercado que queres conquistar. É importante definires o teu plano de marketing e comunicação, tendo essencialmente em vista: o budget que tens, a mensagem que queres passar acerca da tua ideia, como e em que momentos vais passar essa mensagem (definição de equipa / meios utilizados e época em que o vais fazer), trabalhar a comunicação interna (para que a tua equipa esteja unida e informada), etc.

9º ESCOLHER A LOCALIZAÇÃO DA SEDE

A localização da tua sede poderá ser essencial na tua estratégia. Uma boa localização poderá trazer visibilidade ao teu negócio e facilitar a articulação com fornecedores e clientes. Se o teu público-alvo te obriga a uma distribuição nacional, uma localização no centro do país pode diminuir custos em deslocações e trazer vantagens quanto ao tempo de entrega; se tens objetivos de internacionalizar o teu negócio, talvez seja melhor optares por uma das maiores e mais conhecidas cidades, para que no estrangeiro consigam reconhecer mais facilmente a tua origem.

Não te esqueças das diversas incubadoras, aceleradoras e parques tecnológicos que existem no país. Geralmente oferecem condições bastante vantajosas para a instalação de novos negócios, onde já tens gabinetes prontos para começares a trabalhar (com eletricidade, água, segurança, mobiliário, etc) e onde encontras equipas de suporte em diversas áreas, para além do próprio ambiente dinâmico e de integração.

10º TRATAR DE BUROCRACIAS E ASPETOS JURÍDICOS

Estás perto de iniciar a tua start-up! É preciso tratar das questões burocráticas que, em alguns casos, não são menos importantes que todos os outros passos. É essencial selecionares um bom contabilista e advogado competente que te possam aconselhar e acompanhar a partir de agora. A constituição da empresa, hoje em dia, é um processo muito facilitado, que consegues tratar na hora (literalmente!) e até absolutamente online! No entanto, há diversos pormenores que podem fazer a diferença neste início de percurso: desde a escolha do tipo de sociedade (existem unipessoais, sociedades limitadas, sociedades anónimas, etc…), aos estatutos, ao registo de marcas e/ou patentes, à legislação específica (laboral, fiscal e/ou relacionada com o setor de atividade…), à definição do capital social (que dependerá do investimento inicial necessário), à agilização contabilística mensal, entre outras questões a não descurar.

 

Nas próximas edições da i9 magazine entraremos em questões mais específicas, abordando uma temática concreta em cada mês:

– Definição de plano de marketing;

– Tipos de sociedade;

– Questões fiscais;

– Registo de marcas e patentes;

– Ajudas ao financiamento do meu projeto.

 

Fica atento!

Comentários

comentários

Artigos relacionados

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close